sábado, 1 de abril de 2017

BEDA #1: O maior amor do mundo

Os cachorros nunca morrem. Eles simplesmente não sabem como fazê-lo. Ficam velhos, cansados e os seus ossos doem. Mas é claro que eles não morrem. O mundo deles é perfeito e num mundo perfeito não existe lugar para a morte.

Quando você pensa que um cão morreu, na verdade ele apenas adormeceu no seu coração. E a propósito, eles estão abanando as suas caudas freneticamente, e é por isso que o seu peito dói tanto e você chora a toda hora. Quem não choraria se tivesse um cão feliz agitando a sua cauda dentro do seu peito? Ouch! Isso dói. Porém, eles só abanam a cauda quando acordam. É então que eles dizem: "Obrigado, dono! Obrigado por esse lugar confortável que você me deu pra dormir, sempre junto do seu coração, o melhor lugar de todos".

Logo que os cachorros adormecem pela primeira vez, eles acordam a toda hora, e é por isso, claro, que você também chora a toda hora. Aquela cauda sempre balançando. Passado algum tempo, eles passam a dormir mais. Após algum tempo, eles dormem por períodos mais longos, assim como você. 

Mas não se deixe iludir. Eles não estão mortos. Isso não existe. Eles estão apenas dormindo no seu coração e irão acordar, geralmente quando você menos esperar. É assim que eles são.

(Adaptado daqui - texto original de Ernest Montague.)


Eu te amo pra sempre, Johnnie.

Pra sempre.

4 comentários:

  1. Anne ... é uma coisa sem explicação, não ha palavras, ha dor, porque ha muita abanação de rabo!!!!!!!!! é inevitável, é sofrível, mas nada no mundo supera a felicidade que foi viver com ele não é mesmo! bjucas

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...